Luanda Angola
aeroportoafricaangolaluanda

Como é uma conexão em Luanda na Angola

Antes de embarcar para São Tomé e Príncipe, a informação que eu mais tive e li sobre como é uma conexão em Luanda na Angola, era a de que o aeroporto 4 de Fevereiro era ruim e se parecia com uma rodoviária. Portanto aí vai a primeira dica, viaje sempre de coração aberto e sem muitas expectativas. Ainda mais quando já se tem informações negativas, porque a chance de se decepcionar é menor.

E eu fui com esse pensamento, já que a minha conexão na ida era de 15h e na volta de quase 20h.

O aeroporto realmente se parece com uma rodoviária. Pra falar a verdade, dependendo da rodoviária ele acaba levando a pior. É pequeno e sem muitas opções de entretenimento e de alimentação, mas acredito que o que mais pega é o ar condicionado. Pelo menos na minha ida ele parecia estar desligado, portanto fica bem quente e calor atrai o que? Mosquitos! Isso mesmo, eles ficam ali o tempo todo te fazendo companhia.

Mas gente, pra quem tem uma conexão de 2h ou até mesmo 5h eu acho bem tranquilo. Essas coisas começam a interferir no seu humor quando se passa muito tempo, meu caso por exemplo.

O Wi-Fi pegou muito bem do momento em que entramos no aeroporto até o momento de colocarmos as malas de mão no raio X. Depois disso já não pega mais, a não ser que você ande como se estivesse retornando para esse lugar, capaz de conseguir pegar algum sinal ou então ali pertinho da sala VIP da TAAG.

TAAG

Os banheiros atendem, mas estão longe de serem os melhores, por causa do cheiro, calor e da falta de papel higiênico. Mas percebi que isso oscila de acordo com os horários de pico, pois nos momentos em que a área de embarque estava vazia eles conservavam limpos e com papel.

Uma das grandes dúvidas é sobre o visto. Brasileiro precisa de visto na conexão em Luanda? Se você não sair da área de embarque e estiver ali só de passagem mesmo, relaxa, não será necessário um visto.

A única exigência é o certificado internacional da ANVISA da vacina contra febre amarela e o passaporte que precisa estar em dia e ter 6 meses à vencer , a contar da data de retorno da viagem.

Na minha opinião os dois grandes pontos negativos foram a falta do ar condicionado e o atendimento dos funcionários do aeroporto. Do meu ponto de vista, eles não estão preparados para lidar com o público. Recebi muita informação errada, outras vezes fiquei esperando literalmente sentada a informação que não chegou e acredito que o pior é a forma com que eles falam com a gente, sem atenção e educação nenhuma. Sou muito tranquila e sempre faço uma empatia, portanto me coloco no lugar deles, um povo que sofreu bastante, que saiu de uma guerra civil tem pouco tempo. Enfim, talvez agora é que eles estejam se preparando para o mercado de trabalho, mas ainda têm uma boa estrada para caminhar. Inclusive, tem um novo aeroporto em construção que já era para estar em operação. Pode ser um novo futuro começando.

Sei que muitas pessoas estão pegando essa conexão por conta dos preços excelentes que a cia aérea TAAG está disponibilizando no mercado e que consequentemente faz a conexão em Luanda. Mas se você quer conforto e qualidade e caso tenha outra opção de conexão para o destino onde escolheu, pegue esta outra opção. Agora, se você quer pagar barato, pare na Angola e vá preparado para tudo isso que escrevi acima, afinal de contas viagem sem perrengue não é uma viagem completa.

4 COMENTÁRIOS